EUA dizem que trabalharão 'até último momento' para barrar palestinos na ONU

Os Estados Unidos dizem que trabalharão até o último momento para dissuadir os palestinos de concorrer a um cargo de membro pleno da ONU no fim deste mês, na Assembleia Geral da entidade.

O governo americano já disse que vetaria tal medida no Conselho de Segurança das Nações Unidas.

Washington afirma que a possível criação de um Estado palestino deve ser decidida em negociações com Israel.

A porta-voz do Departamento de Estado americano, Victoria Nuland, disse que os EUA continuarão tentando fazer as duas partes voltar à mesa de negociações.