G8 promete dinheiro para financiar desenvolvimento e democracias árabes

Ministros das Finanças do G8 prometeram quase US$ 48 bilhões para países árabes, com o objetivo de ajudá-los a se reconstruir e a estabelecer democracias.

Os países a receber a ajuda do grupo são Egito, Tunísia – ambas nações que derrubaram seus líderes longevos há pouco tempo –, Marrocos e Jordânia.

A oferta foi feita durante uma reunião, na cidade francesa de Marselha, que reuniu autoridades do Banco Mundial e do Fundo Monetário Internacional. Representantes do Conselho Nacional de Transição, da Líbia, também estiveram presentes, mas o país não foi formalmente adicionado à lista de beneficiários do dinheiro.

O G8 é o grupo que reúne EUA, França, Alemanha, Japão, Grã-Bretanha, Itália, Canadá e Rússia.