China condena EUA por modernizar caças de Taiwan

O governo chinês condenou a decisão dos Estados Unidos de modernizar a frota de caças F-16 de Taiwan, alegando que isso é uma "interferência grave em seus assuntos internos".

Para a China, o acordo de US$ 5,85 bilhões (R$ 10 bilhões) manda "sinais errados à forças separatistas em Taiwan" e coloca em perigo as relações entre Pequim e Washington.

O governo chinês considera Taiwan parte de seu território e tem tentado aumentar sua superioridade militar em relação à ilha.

Inicialmente, Taiwan esperava comprar uma nova geração de caças F-16 dos Estados Unidos, mas autoridades americanas disseram que, em vez disso, os atuais caças serão modernizados e chegarão ao mesmo nível de modelos mais avançados.