Bolsas asiáticas despencam por segundo dia seguido

As bolsas asiáticas voltaram a despencar nesta sexta-feira, enquanto o dólar subiu em meio a temores de que a economia global esteja à beira da recessão.

Após as fortes quedas de quinta-feira na Europa e Estados Unidos, tendência que também levou a Bovespa a apresentar a terceira pior queda do ano, o G20 disse estar preparado para preservar a estabilidade nos mercados financeiros.

Ainda assim, o índice Kospi, da Coreia do Sul, caiu 5,7%, enquanto o ASX da Austrália fechou em - 1,6%. A bolsa de Tóquio não funcionou devido a um feriado.

O nervosismo do mercado voltou a aumentar depois que o Banco Central americano fez um alerta sobre as perspectivas negativas da economia nos Estados Unidos na quarta-feira.

Uma série de declarações negativas sobre o crescimento global, principalmente por parte do Fundo Monetário Internacional, intensificaram ainda mais o clima de pessimismo.

Na quinta-feira, a diretora-gerente do FMI, Christine Lagarde, disse que a situação econômica global está chegando a "um lugar perigoso", enquanto o presidente do Banco Mundial, Robert Zoellick, disse acreditar que o mundo está em uma "zona de perigo".