Facebook apura falha que levou usuários a abrir fotos pornográficas

O site de relacionamentos Facebook anunciou que investigará a falha que levou alguns usuários a ver em seus perfis, dias atrás, fotos pornográficas e imagens de violência.

"Recentemente verificamos um ataque coordenado que se aproveitou de uma vulnerabilidade do navegador", disse em um comunicado o porta-voz da empresa, Andrew Noyes.

Segundo ele, a falha de segurança induziu os usuários do Facebook a executar um código de Javascript "mal-intencionado" na barra de navegação, o que os levou a compartilhar conteúdos explícitos sem saber.