Síria diz que nova resolução na ONU será ‘declaração de guerra’ contra o país

O embaixador da Síria na ONU, Bashar Jafari, disse na noite desta segunda-feira que um novo projeto de resolução condenando as violações de direitos humanos no país será interpretada como uma declaração de guerra diplomática e política contra a Síria.

A proposta, patrocinada pela Grã-Bretanha, França e Alemanha, será votada nesta terça-feira na Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Geral.

Se aprovada, a resolução, que não tem nenhum poder efetivo, será o primeiro passo para trazer a questão de volta ao Conselho de Segurança (onde uma tentativa anterior para condenar a repressão do governo sírio foi vetada por China e Rússia).