Vice iraquiano acusa governo de planejar ataques em Bagdá

O vice-presidente iraquiano, Tariq al-Hashemi, afirmou que os ataques a bomba que mataram quase 70 pessoas em Bagdá na quinta-feira foram organizados pelo próprio governo do país.

Em entrevista à BBC Persa, que apenas o envolvimento do governo poderia explicar como os responsáveis conseguiram colocar tantos explosivos sem serem pegos.

Hashemi, que é muçulmano sunita, está ligado a uma grande disputa política contra o premiê, Nuri al-Maliki, que ordenou a emissão de um mandado de prisão contra seu vice.

Hashemi disse que Maliki está tentando se livrar de seus inimigos políticos, agora que os Estados Unidos retiraram suas últimas tropas do país.