Polícia da Tunísia reprime manifestantes que tentam invadir reunião da Síria

Policiais tunisianos estão usando bastões para conter dezenas de manifestantes que tentam invadir, nesta sexta-feira, o local onde líderes internacionais se reúnem para discutir a crise na Síria.

A informação é de um repórter da agência France Presse em Túnis.

Os manifestantes gritam slogans como "Não à conferência" e "Não à reunião de inimigos das nações árabes" e tentam forçar a entrada em um hotel nos arredores da capital tunisiana, onde a reunião está acontecendo.