União Europeia aprova nova série de sanções contra Síria

A União Europeia aprovou nesta segunda-feira uma nova série de sanções contra o governo da Síria, em protesto contra a violência do regime contra manifestantes no país.

Os fundos do banco central sírio na Europa estão sendo congelados. Sete pessoas próximas ao presidente Bashar Al-Assad estão proibidas de viajar aos países da União Europeia.

Voos de carga entre a Síria e a União Europeia também estão proibidos, além de restrições adotadas no comércio de ouro e outros metais preciosos. A UE já possui um embargo contra comércio de armas e petróleo com a Síria.