Atiradores disfarçados matam policiais iraquianos a tiros

Atiradores disfarçados de agentes de segurança das Forças Armadas iraquianas atacaram policiais nesta segunda-feira na cidade de Haditha, no oeste do país.

Pelo menos 27 pessoas morreram, incluindo, incluindo os três atiradores. Testemunhas dizem que eles usavam uniformes do Exército e dirigiam veículos militares.

Os atiradores também atacaram as casas de um policial aposentado e de um capitão, matando os seguranças. Um porta-voz da polícia iraquiana culpou a Al-Qaeda pelos atentados.

Uma testemunha disse ter visto uma bandeira da Al-Qaeda sendo hasteada em uma das delegacias.