Relator da ONU critica violações de direitos humanos no Irã

O relator especial da ONU para o Irã, Ahmed Shaheed, criticou o que chamou de padrão notável de violações de direitos humanos no país.

Em um relatório para o Conselho de Direitos Humanos da ONU, Shaheed pediu uma investigação sobre a violência no Irã após as eleições de 2009, que gerou protestos de ativistas.

Ele também pediu que o país considere uma suspensão oficial da pena de morte e a garantia de que assembleias pacíficas e a liberdade de expressão não sejam criminalizadas.

O Irã recusou o visto a Shaheed e ele redigiu o relatório sem de fato conseguir visitar o país.