Presidente afegão diz que EUA não cooperam com investigação sobre morte de civis

O presidente afegão, Hamid Karzai, acusou os Estados Unidos de não cooperarem com a investigação sobre a morte de 16 civis afegãos por um soldado americano no último domingo.

Karzai falou após um encontro com sobreviventes do incidente, alguns dos quais disseram que mais de uma pessoa teria sido responsável pelos assassinatos.

O soldado acusado de realizar os ataques foi enviado de volta para os Estados Unidos, apesar de pedidos para que ele enfrentasse a justiça no Afeganistão.

Horas antes, o presidente americano Barack Obama telefonou para Karzai para falar sobre sua exigência de que as forças americanas se retirem de vilarejos afegãos.

Os dois dirigentes concordaram em ter novas conversas sobre o assunto.