Número de mortos em tiroteio em universidade da Califórnia sobe para sete

Peritos em Oakland Direito de imagem na
Image caption Suspeito de ser o atirador já foi preso

Autoridades da cidade de Oakland, na Califórnia, confirmaram que pelo menos sete pessoas morreram e três ficaram feridas nesta segunda-feira depois que um homem armado abriu fogo na universidade cristã Oikos University.

Segundo a polícia, um suspeito de ser o autor dos ataques está sob custódia.

Há relatos de que o suspeito seria um homem de cerca de 40 anos e de origem coreana.

A universidade é frequentada por membros da comunidade coreana e oferece cursos de enfermagem, teologia e medicina asiática.