Cuba volta a celebrar a Sexta-feira Santa

Cuba está celebrando a Sexta-feira Santa pela primeira vez em décadas. O reconhecimento de feriados religiosos foi abandonado após a revolução de 1959 que levou os comunistas ao poder, e o país foi oficialmente declarado ateu.

O governo decidiu tornar a Sexta-feira Santa um feriado novamente após um pedido do Papa Bento 16 durante sua visita à ilha no último mês de março.

Correspondentes dizem que a manobra é um sinal de melhora nas relações entre a Igreja Católica e o governo comunista.