Novo presidente do Iêmen demite altos oficiais militares

O novo presidente do Iêmen, Abd-Rabbuh Mansour Hadi, deu início a um plano de reforma das forças armadas do país demitindo dois chefes militares e outros oficiais leais a seu antecessor, Ali Abdullah Saleh.

O chefe da Força Aérea, general Mohammad Saleh Al-Ahmar e o chefe da guarda presidencial, general Tarek Mohammad Abdullah Saleh serão substituídos.

O ex-presidente iemenita, Ali Abdullah Saleh, foi acusado de usar os oficiais leais a ele para desestabilizar o país e retardar a transição de poder.

Saleh deixou o poder, com garantias de imunidade judicial, após uma onda de protestos populares contra seu governo de 33 anos.