Coreia do Norte prepara lançamento de satélite

O governo da Coreia do Norte anunciou nesta terça-feira que completou os preparativos para o lançamento de um satélite, em um ato fortemente criticado por potências ocidentais.

Em uma rara coletiva de imprensa na capital Pyongyang, um funcionário do alto escalão do governo comunista repudiou as suspeitas de que o lançamento do satélite encobriria, na prática, o teste de um míssil de longo alcance.

Após o anúncio do governo norte-coreano, a embaixadora americana na ONU, Susan Rice, disse que o Conselho de Segurança terá que responder rapidamente caso o país siga adiante com o lançamento.

Ela afirmou que membros do Conselho já discutiram informalmente que medidas deveriam tomar.

Numa atitude pouco comum, a Rússia divulgou um comunicado condenando fortemente a ação, que julgou como uma violação das resoluções do Conselho de Segurança da ONU.

Os Estados Unidos e outros países ocidentais consideraram a ação como uma amostra potencial do sistema de armas nucleares da Coreia do Norte.

O lançamento do foguete coincidirá com as comemorações do 100º aniversário de nascimento do fundador do país, Kim Il-Sung.