Casal bósnio é suspeito de escravizar menina alemã por 8 anos

Um casal bósnio escravizou uma menina alemã por oito anos, em um regime de espancamentos e fome, segundo a mídia local.

Promotores dizem que a menina, hoje com 19 anos, era proibida de conhecer outras pessoas e não frequentava a escola.

Ela foi encontrada em uma floresta perto da cidade de Kalesija, pesando apenas 40 quilos, e foi levada pelas autoridades, que dizem que ela está muito frágil tanto física como emocionalmente.

A polícia prendeu o casal Milenko Marinkovic, 52, e sua esposa Slavojka, 45, após uma denúncia de um vizinho.