Turquia julgará militares israelenses à revelia

A Turquia vai julgar à revelia quatro comandantes militares de Israel pela invasão, há dois anos, de uma embarcação turca que levava ajuda para a Faixa de Gaza.

Nove turcos morreram na invasão do barco Mavi Marmara. O julgamento em Ancara pode determinar condenações perpétuas para os quatro acusados, incluindo o comandante Gabi Ashkenazi.

O incidente causou uma crise nas relações entre Israel e Turquia.

Um relatório da ONU no ano passado concluiu que os israelenses usaram mais força do que o necessário no incidente.