Extremistas atacam igrejas cristãs na Nigéria

Ao menos três pessoas foram mortas em dois ataques contra igrejas cristãs na Nigéria neste domingo.

O primeiro atentado aconteceu na região central do país, na cidade de Jos, no início da manhã.

Um homem bomba detonou explosivos presos ao seu corpo, do lado de fora de uma igreja. Duas pessoas foram mortas.

Horas mais, tarde cinco homens armados abriram fogo contra participantes de uma missa em Biu, no Estado de Borno. Uma mulher foi morta e três pessoas acabaram feridas.

Ninguém assumiu a autoria dos ataques. Contudo, extremistas do grupo Boko Haram já atacaram igrejas na Nigéria, no passado.