Cruz Vermelha diz estar pronta para entrar em Homs

O CICV (Comitê Internacional da Cruz Vermelha) afirmou que tanto o governo sírio quanto rebeldes opositores concordaram em fazer uma trégua temporária para permitir a saída de civis de Homs.

O CICV afirmou que suas equipes estão prontas para entrar nos bairros mais atingidos pela violência e cobrou que o início da operação seja autorizado imediatamente.

Segundo a entidade ainda não está claro se os disparos de artilharia foram suspensos na região.

Opositores do regime sírio disseram nesta quarta-feira que rebeldes mataram ao menos 20 soldados do governo em Latakia, no litoral.