Suprema Corte mantém reforma na saúde proposta por Obama

A Suprema Corte dos EUA deu parecer favorável nesta quinta-feira para a parte principal da lei proposta pelo presidente americano, Barack Obama, para a reforma no sistema de Saúde.

A corte rejeitou o argumento de que a lei seria abusiva por pedir que todos os americanos paguem por planos de saúde, ou os obtenha por meio do seu empregador a partir de 2014.

Correspondentes dizem que a decisão judicial é uma grande vitória para Obama.