Atirador que matou seis em tempo Sikh nos EUA é ex-soldado

Templo Sikh do Wisconsin (AP) Direito de imagem AP
Image caption Homem matou seis pessoas em templo e foi morto em seguida (AP)

Investigadores nos Estados Unidos informaram nesta segunda-feira que o homem que matou seis pessoas em um templo Sikh no Estado de Wisconsin no domingo era um ex-soldado.

Segundo o Pentágono, o atirador era um especialista em operações psicológicas, mas foi dispensado do Exército em 1998.

O atirador foi morto por um policial logo depois do ataque e identificado como Wade Michael Page.

Uma porta-voz do FBI afirmou que ainda está sendo investigada a possibilidade de o atirador ter envolvimento com grupos americanos que pregam a supremacia branca.

Notícias relacionadas