Itália caça assassinos de chefe da Camorra

Atualizado em  24 de agosto, 2012 - 13:04 (Brasília) 16:04 GMT

A polícia italiana lançou nesta sexta-feira uma mega-operação de busca dos assassinos de Gaetano Marino, apontado como o chefe da máfia napolitana, a Camorra.

Marino foi assassinado a tiros na última quinta-feira em um resort no sul de Roma.

A vítima era conhecida nos círculos criminais pelo apelido de "Moncherino" ("Maneta"), logo depois de ter perdido suas duas mãos supostamente enquanto manipulava uma bomba.

Meses atrás, Roberto Savino, o jornalista conhecido por seus artigos e livros sobre a máfia italiana e atualmente sob proteção policial, acusou o canal público italiano RAI de apoiar os criminosos ao ter transmitido, em fevereiro deste ano, uma baile de gala em homenagem a Marino.

Durante o evento, sua filha cantou uma música em que o chamava de "o pai mais maravilhoso do mundo".

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.