Após queda do PIB no 2º tri, mercado prevê crescimento de 1,64% em 2012

Atualizado em  3 de setembro, 2012 - 11:55 (Brasília) 14:55 GMT

O mercado reduziu, pela quinta semana consecutiva, a projeção para o Produto Interno Bruto (PIB), de 1,73% para 1,64% em 2012, informou nesta segunda-feira o boletim Focus, divulgado pelo Banco Central (BC). Para 2013, a estimativa permaneceu inalterada em 4%.

A revisão da estimativa ocorre dias depois do anúncio de que a economia cresceu apenas 0,4% de abril a junho deste ano em relação aos três meses anteriores, realizado na semana passada.

No primeiro trimestre deste ano, o crescimento foi de 0,1%, após revisão. No semestre, a economia acumula alta de 0,6% em relação ao mesmo período do ano passado.

Já a estimativa para a taxa básica de juros, a Selic - que foi reduzida em 0,5 ponto percentual na semana passada, de 8% para 7,5%- permaneceu inalterada em 7,25% neste ano. Para 2013, a projeção subiu de 8,25% para 8,5%.

A previsão deste ano para inflação oficial (medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo, o IPCA) subiu pela oitava semana seguida, passando de 5,19% para 5,20%. Para 2013, a estimativa do índice foi elevada de 5,5% para 5,51%.

As expectativas para o valor do dólar em 2012 e 2013 permaneceram inalteradas em R$ 2 para ambos casos.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.