Papa elogia coexistência de cristãos e muçulmanos no Líbano

Atualizado em  14 de setembro, 2012 - 18:38 (Brasília) 21:38 GMT

O papa Bento 16 elogiou nesta sexta-feira a coexistência das comunidades muçulmana e cristã no Líbano que, segundo ele, podem servir de exemplo para o Oriente Médio.

Bento 16, que faz a primeira visita papal ao Líbano em 15 anos, fez um apelo por paz e denunciou o fundamentalismo em todas as religiões.

Após ter sido recebido por líderes políticos e religiosos, o papa rumou para a área cristã ao norte de Beirute para assinar um documento sobre o futuro das comunidades cristãs no Oriente Médio.

Na cidade de Tripoli, no norte, cartazes dandos as boas vindas ao papa foram rasgados durante protestos contra um filme americano sobre Maomé.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.