Bolívia e Venezuela rebatem relatório dos EUA sobre tráfico de drogas

Atualizado em  16 de setembro, 2012 - 07:26 (Brasília) 10:26 GMT

Os governos da Bolívia e da Venezuela rejeitaram as conclusões de um relatório feito pelos Estados Unidos de que os dois países não estariam fazendo o suficiente na luta contra o narcotráfico.

O relatório publicado na sexta-feira mantém Bolívia, Venezuela e Myanmar em uma lista negra dos Estados Unidos de países que não combatem o tráfico de drogas.

O ministério das Relações Exteriores da Venezuela disse que os americanos - maiores consumidores de drogas ilegais do mundo - não têm autoridade moral para julgar políticas de outros países.

O presidente da Bolívia, Evo Morales, acusou o governo americano de usar a guerra contra drogas para obter ganhos políticos.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.