Artista dissidente tem licença revogada na China

Atualizado em  2 de outubro, 2012 - 06:02 (Brasília) 09:02 GMT

As autoridades chinesas vão revogar a licença dada à empresa do artista dissidente Ai Weiwei, segundo informação dada pelo próprio artista em seu blog nesta terça-feira.

A medida foi tomada depois que uma decisão judicial da semana passada proibiu Ai Weiwei de recorrer contra uma multa dada à sua empresa. Ele é acusado de sonegação de impostos.

O artista publicou uma nota atribuída às autoridades chinesas no blog de sua empresa de design, a Fake Cultural Development.

No ano passado, ele passou três meses detido em segredo, atraindo atenção internacional.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.