Dono de grife francesa se desculpa por frase 'anti-chineses'

Atualizado em  5 de outubro, 2012 - 08:19 (Brasília) 11:19 GMT

O empresário Thierry Gillier, fundador da grife francesa Zadig e Voltaire, pediu desculpas publicamente por ter afirmado que turistas da China não seriam bem-vindos no novo hotel que está construindo em Paris.

Em entrevista a uma revista de moda no mês passado, Gillier dissera que o hotel de alto luxo não receberia visitantes chineses.

Agora, Gillier voltou atrás e afirmou que os comentários foram "desastrados".

Ele explicou que o que realmente queria dizer é que o hotel não vai ser para turismo em massa.

O estabelecimento da rede Zadig e Voltaire só deve abrir as portas em 2014.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.