Turquia proíbe que aviões comerciais sírios sobrevoem seu território

Atualizado em  14 de outubro, 2012 - 12:17 (Brasília) 15:17 GMT

Aeronaves sírias foram proibidas de entrar no espaço aéreo turco, disse neste domingo o Ministério dos Negócios Estrangeiros turco.

A proibição segue as mesmas restrições impostas pela Síria, após um avião sírio, supostamente carregando munição russa, ter sido interceptado pela Turquia.

A retaliação turca foi decidida e relatado à Síria na noite de sábado, mas apenas se tornou pública no domingo.

A medida se aplica a aeronaves civis, já que aeronaves militares já haviam sido proibidas, disse um funcionário do ministério.

Do lado síria, a decisão de proibir aviões comerciaios turcos no espaço aéreo foi tomada dias depois de a Turquia ter interceptado um avião civil que fazia a rota Moscou-Damasco e encontrado munição e equipamento de defesa de fabricação russa na aeronave.

A Turquia alegou que a munição seria usada pelo Exército sírio, o que a Síria nega.

A Turquia já havia recomendado a suas próprias companhias aéreas civis que evitassem o espaço aéreo sírio por precaução.

As tensões aumentaram recentemente entre os dois países, após uma série de incidentes de fronteira.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.