Investigadores mexicanos querem exumar corpos de parentes de líder de cartel

Atualizado em  18 de outubro, 2012 - 01:13 (Brasília) 04:13 GMT

Investigadores mexicanos planejam exumar os corpos dos parentes de Heriberto Lazcano, líder do cartel de drogas Los Zetas, morto por forças de segurança na semana passada.

O objetivo da Unidade de Crimes Especiais do México, responsável pelas investigações, é fazer testes de DNA para convencer a população de que o homem que militares mexicanos mataram era, na verdade, Lazcano.

Na semana passada, o corpo do traficante de drogas foi roubado de um necrotério horas depois de sua morte, alimentando especulações de que ele ainda estaria vivo.

As autoridades mexicanas alegam que a identidade de Lazcano já foi confirmada por meio de suas impressões digitais e fotos do cadáver.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.