Egito congela bens de ex-primeiro-ministro de Mubarak

Atualizado em  21 de outubro, 2012 - 16:26 (Brasília) 18:26 GMT

Autoridades egípcias afirmaram neste domingo ter congelado os bens de Ahmed Shafiq, que foi primeiro-ministro do país até a renúncia do ex-presidente Hosni Mubarak.

Em junho passado, Shafiq chegou a se candidatar à presidência do Egito, mas foi derrotado em uma votação acirrada pelo candidato da Irmandade Muçulmana, Mohammed Mursi.

Um porta-voz do Ministério da Justiça disse que o Egito está investigando alegações de que Shafiq tenha adquirido grande parte de sua fortuna de forma ilegal, incluindo 12 casas e dois apartamentos.

Shafiq, que atualmente está na Emirados Árabes Unidos, negou as acusações.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.