ONU faz apelo humanitário urgente após confrontos em Mianmar

Atualizado em  28 de outubro, 2012 - 16:46 (Brasília) 18:46 GMT

A Organização das Nações Unidas (ONU) fez um apelo humanitário urgente para que a comunidade internacional envie ajuda às vítimas dos confrontos étnicos em Mianmar, que deixaram mais de 80 mortos.

Os embates ocorreram no Estado de Rakhine, onde a população local budista atacou muçulmanos da etnia Rohingya.

Além dos 82 mortos, a grande maioria muçulmanos, o governo confirmou que cerca de 20 mil pessoas deixaram suas casas, mas a ONU coloca o número em ao menos cinco vezes mais do que isso.

Há relatos de que muitos dos que tentaram abandonar a região em barcos morreram afogados ou estão desaparecidos.

A violência entre as duas comunidades começou em junho.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.