Banco suíço UBS anuncia demissão de 16% dos seus funcionários

Atualizado em  30 de outubro, 2012 - 07:48 (Brasília) 09:48 GMT

O banco suíço UBS anunciou nesta terça-feira a demissão de dez mil pessoas em todo o mundo, confirmando previsões feitas por analistas de mercado.

O corte representa 16% da força de trabalho do banco, que já havia demitido três mil pessoas no ano passado.

O braço de investimentos do banco será o mais afetado.

Nos últimos meses, esta divisão do UBS foi alvo de escândalos, como o do funcionário Kweku Adoboli, que está está sendo julgado em Londres por ter perdido US$ 2 bilhões em investimentos arriscados.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.