Manifestantes incendeiam dois escritórios da Irmandade Muçulmana no Egito

Atualizado em  7 de dezembro, 2012 - 00:34 (Brasília) 02:34 GMT

Manifestantes incendiaram nesta quarta-feira dois escritórios da Irmandade Muçulmana no Egito, um deles na capital do país, Cairo.

O ataque ocorreu logo após o presidente, Mohamed Morsi, aparecer na TV estatal para justificar sua recente decisão de usar a força contra os participantes dos protestos.

Morsi, fortemente criticado por ter assinado um decreto que lhe confere mais poderes para governar, disse que "o diálogo" era a única saída para resolver a crise.

O presidente convidou todas as principais lideranças políticas do país para se reunir no próximo sábado e discutir os rumos do Egito.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.