Polícia chinesa detem pregadores do 'fim do mundo' do calendário maia

Atualizado em  15 de dezembro, 2012 - 09:38 (Brasília) 11:38 GMT

A polícia chinesa está prendendo os seguidores dos preceitos maia que pregam o fim do mundo para o próximo dia 21 de dezembro.

Só em Hong Kong, segundo um grupo de defesa dos direitos humanos, 57 pessoas foram detidas.

Segundo a imprensa oficial, os policiais dissolveram concentrações de seguidores dos preceitos maia que distribuiam panfletos em várias províncias do país.

Os rumores sobre o fim do mundo se espalharam pela internet na China, assim como no Ocidente.

De acordo com a imprensa oficial, no entanto, os seguidores dos preceitos maia seriam uma seita cristã que estariam convocando os chineses para uma batalha final contra o Partido Comunista.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.