Rei saudita nomeia mulheres para Conselho Consultivo

Atualizado em  11 de janeiro, 2013 - 14:18 (Brasília) 16:18 GMT

O rei Abdullah, da Arábia Saudita, decidiu apontar pela primeira vez mulheres para o chamado Conselho Consultivo - ou Shura saudita.

Em um primeiro decreto, Abdullah estabeleceu que as mulheres terão 20% dos lugares nesse conselho, que pode redigir e apresentar projetos de lei ao rei, embora não tenha poder para aprová-los.

Logo depois, ele emitiu outro decreto designando os 150 membros desse órgão, entre os quais se encontram várias mulheres.

Na Arábia Saudita, as mulheres ainda não podem dirigir nem viajar sozinhas.

Abdullah é considerado um reformador moderado nessa área e em 2011 deu às mulheres o direito de votar em eleições municipais.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.