Militantes do Boko Haram suspeitos de ataques mortais na Nigéria

Atualizado em  23 de janeiro, 2013 - 06:12 (Brasília) 08:12 GMT

Supostos extremistas islâmicos foram acusados pela morte de pelo menos 23 pessoas em diferentes ataques no nordeste da Nigéria.

Testemunhas dizem que homens armados aparentemente alvejaram caçadores que vendiam carne de caça em Damboa, na segunda-feira, matando 18 pessoas.

Outras cinco pessoas morreram na terça-feira, quando um grupo de homens que jogavam dama foi atacado em Kano.

O grupo militante Boko Haram, que luta para criar um estado islâmico, tem sido palco de muitos ataques na Nigéria.

O Boko Haram foi responsabilizado pela morte de cerca de 1.400 pessoas no centro e no norte da Nigéria desde 2010.

Só no ano passado, o grupo foi vinculado a mais de 600 mortes.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.