Congresso adia votação do Orçamento para depois do Carnaval

Atualizado em  5 de fevereiro, 2013 - 15:10 (Brasília) 17:10 GMT

Prevista para ocorrer esta terça-feira, a votação da proposta de Orçamento Geral da União de 2013 foi adiada para depois do Carnaval, sem data definida.

A decisão foi tomada depois que a oposição e parte dos aliados da presidente Dilma Rousseff não chegaram a um acordo.

O principal ponto de discórdia é o falto de alguns líderes exigirem votar os mais de 3 mil vetos presidenciais antes de analisar a proposta. A votação incluía outros itens polêmicos como a distribuição dos royalties do petróleo.

"O processo legislativo caminha pelo consenso e pelo entendimento. Tanto o presidente (da Câmara) Henrique Eduardo Alves quanto eu trabalhamos para apreciarmos hoje o orçamento, mas não havia consenso. Como todos sabem, dificilmente teríamos quórum, e, como alguns não queriam votar, eu cancelei a convocação do Congresso e vamos deixar essa tarefa para mais adiante", disse Renan Calheiros, presidente do Senado.

Sem a votação, o investimento de recursos federais pode ser prejudicado.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.