China executa 4 por assassinato de marinheiros em 2011

Atualizado em  1 de março, 2013 - 14:59 (Brasília) 17:59 GMT

Um líder do tráfico de drogas e três cúmplices, todos de Mianmar, foram executados na China pelo assassinato de 13 marinheiros chineses no rio Mekong.

A rede de televisão estatal CCTV mostrou imagens dos quatro homens sendo levados de suas celas para o local da execução, na cidade de Kunming, na província de Yunnan.

O momento da morte, por injeção letal, não foi televisionado.

As imagens dos quatro homens sendo levados para a morte provocaram polêmica. Enquanto alguns internautas aplaudiram a cobertura, outros a consideraram insensível.

O crime, ocorrido em 2011, causou comoção na China e levou Pequim a enviar patrulhas em barcos rio abaixo, além de suas fronteiras.

O Ministério do Exterior chinês disse que o caso mostrou a disposição da China e de outros países de trabalhar em conjunto para combater o crime nas fronteiras.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.