Demolição do Muro de Berlim é suspensa após protestos

Atualizado em  4 de março, 2013 - 16:17 (Brasília) 19:17 GMT

O polêmico plano para demolir uma das poucas seções remanescentes do Muro de Berlim foi suspenso temporariamente em meio a uma onda de protestos contra a destruição.

A seção de 22 metros do muro, coberta de murais e grafites, iria ser demolida como parte do desenvolvimento de um conjunto de apartamentos de luxo perto da linha que separava os lados oriental e ocidental de Berlim durante a Guerra Fria.

No entanto, o diretor da empresa construtora dos apartamentos disse que suspendeu a demolição e está aberto a negociação para chegar a um acordo.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.