Venezuela vai investigar acusações de que Chávez teria sido assassinado

Funcionários do governo venezuelano disseram à BBC Mundo que será aberto um inquérito para investigar suspeitas de que o presidente Hugo Chávez teria sido assassinado.

O ministro do Petróleo venezuelano, Rafael Ramirez, disse que os Estados Unidos e Israel poderiam estar por trás do atentado.

Após descobrir que estava com câncer, em 2011, o próprio Chávez havia sugerido que "forças imperialistas" poderiam estar tentando matá-lo.

Chávez morreu no dia 5, vítima de um câncer na região pélvica.