Ministros europeus teriam fechado acordo preliminar para o Chipre

Autoridades afirmam que ministros das Finanças da zona do euro reunidos em Bruxelas teriam alcançado um acordo preliminar para firmar um pacote de auxílio econômico ao Chipre.

Relatos iniciais dão conta de que uma taxa sobre depósitos bancários de mais de 100 mil euros (cerca de R$ 260,4 mil) seria um dos pontos do acordo.

O Chipre precisava levantar 5,8 bilhões de euros (cerca de R$ 15 bilhões) até esta segunda-feira para evitar a falência.

Em sua conta no Twitter, o presidente do Chipre, Nicos Anastasiades, disse que as dicussões estavam se aproximando do fim.

As bolsas asiáticas reagiram bem à notícia, abrindo em alta no início do pregão desta segunda-feira.