Acusado de massacre nos EUA quer evitar pena de morte

Advogados do americano James Holmes - acusado de assassinar 12 pessoas em um cinema no Colorado, Estados Unidos, no ano passado - afirmaram que ele se declarará culpado para evitar a pena de morte.

A defesa do acusado chegou a levantar durante o processo a hipótese de defender sua inocência - alegando problemas mentais.

Promotores, por sua vez, devem pedir a pena capital. O julgamento de Holmes está previsto para acontecer em agosto.