Crianças são maiores vítimas de violência sexual em guerras, diz ONG

Crianças são as principais vítimas de estupro e outros tipos de violência sexual cometidos em zonas de guerra, diz levantamento recém-divulgado pela ONG Save the Children.

A conclusão é baseada em dados e testemunhos coletados em diversos países afetados por conflitos nas últimas décadas, incluindo Colômbia, Libéria e a República Democrática do Congo.

A Save the Children diz que faltam incentivos a programas destinados a impedir esse tipo de violência e a ajudar na recuperação das crianças afetadas.

O tema será discutido nesta quarta-feira na reunião de chanceleres do G8 (grupo dos países mais ricos).