Coreia do Norte condena americano a 15 anos de trabalho forçado

Kenneth Bae (AP)
Image caption Kenneth Bae foi detido em novembro

A Coreia do Norte anunciou nesta quinta-feira que condenou um cidadão americano a 15 anos de trabalho forçado.

Kenneth Bae, também conhecido pelo seu nome coreano de Pae Jun Ho, foi preso em novembro enquanto trabalhava no país como operador de turismo.

Ele foi acusado de tentar derrubar o governo da Coreia do Norte.

Segundo a agência de notícias oficial norte-coreana, a KCNA, o americano foi julgado na Suprema Corte do país na terça-feira e admitiu as acusações.

O veredito foi dado depois de semanas de tensão entre o governo americano e o norte-coreano, devido ao teste nuclear realizado pela Coreia do Norte em fevereiro.

Vários outros visitantes americanos já foram detidos na Coreia do Norte nos últimos anos. Todos foram libertados depois de negociações.