Peixes sobrevivem 134 dias em aquário após terremoto neozelandês

Atualizado em  28 de julho, 2011 - 16:21 (Brasília) 19:21 GMT

Player

Aquário ficou em área isolada depois de tremor na cidade de Christchurch, na Nova Zelândia.

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Formatos alternativos

Dois peixes dourados foram encontrados vivos dentro de um aquário em um prédio que ficou 134 dias isolado após o terremoto na cidade de Christchurch, na Nova Zelândia.

Os peixes Salsicha (“Shaggy”, em inglês) e Daphne, batizados em homenagem aos personagens do desenho animado Scooby-Doo, estavam em um grande aquário com muitas plantas na área que foi isolada depois do terremoto de fevereiro.

Peixe sobrevivente do terremoto da Nova Zelândia (BBC)

Peixes estavam em aquário em área isolada desde fevereiro

Vicky Thornley, diretora do escritório onde estava o aquário, afirma que nem queria olhar para os peixes quando finalmente voltou ao escritório, para não vê-los mortos, "até que alguém disse que viu os dois vivos".

Ela acredita que Salsicha e Dafne podem ter comido outros peixes durante o tempo em que ficaram isolados.

"Havia um peixe flutuando no aquário, e os outros que viviam junto com Salsicha e Dafne não estavam lá", disse Vicky.

O especialista em peixes dourados Bob Ward disse que os peixes podem ficar por algum tempo sem comida, dependendo da temperatura da água no aquário.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.