A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Do Piauí para Londres: Judoca Sarah Menezes busca medalha olímpica

Quando a piauiense Sarah Menezes descobriu o judô, aos 9 anos, teve que fazer as primeiras aulas escondida dos pais.

Hoje, é uma das promessas brasileiras para a Olimpíada de Londres e inspira outras meninas de sua cidade natal, Teresina, a praticar o esporte, tendo ajudado a quebrar o preconceito de "esporte de menino".

Sarah tem 21 anos e embarca em julho para sua segunda Olimpíada, após a estreia em Pequim. Neste ano, ela ganhou a medalha de prata no Grand Slam de Paris e vem conseguindo se manter em terceiro lugar no ranking para sua categoria (até 48kg).

Na Olimpíada de Pequim, Sarah tinha apenas 17 anos e perdeu na primeira luta. Ela hoje se considera mais madura para os Jogos de Londres, mas diz que a luta maior a vencer é a psicológica.

O judô é o segundo esporte olímpico com melhores resultados para o Brasil, tendo conquistado 15 medalhas até hoje, atrás apenas da vela, com 16. O judô feminino só disputa medalhas olímpicas desde 1992, e ganhou sua primeira medalha em Pequim, com o bronze de Kathleen Quadros.

Nesta quarta-feira, a 100 dias da abertura dos Jogos Olímpicos de Londres 2012, Sarah Menezes participa de uma conversa com internautas na página da BBC Brasil no Facebook, a partir das 15h30.

Para participar, basta ter uma conta no Facebook e acessar o perfil da BBC Brasil no horário marcado para o papo com a judoca.