A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Sobreviventes relatam pânico durante incêndio mortal na China

  • 3 junho 2013

Um incêndio em uma fábrica de processamento de carne deixou ao menos 119 vítimas fatais, segundo autoridades, e se tornou o mais mortal da China na última década.

Image caption Fábrica abrigava 350 funcionários no momento do incêndio

A agência estatal Xinhua informa que a tragédia ocorreu na manhã desta segunda-feira em uma fábrica na província de Jilin. As chamas destruíram o local, que abrigava 350 trabalhadores no momento do incidente.

Uma testemunha contou que houve pânico generalizado quando as luzes da fábrica se apagaram e os fogo começou a se espalhar rapidamente. Muitos trabalhadores não conseguiram encontrar saídas de emergência, e acredita-se que muitas portas estivessem fechadas ou fossem estreitas demais.

A escala da tragédia levanta novos questionamentos quanto às medidas segurança adotadas pelas fábricas chinesas, em meio ao crescimento econômico do país.