Câmeras de segurança capturaram momento da explosão em Volgogrado (BBC)
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Veja o momento da explosão em estação de Volgogrado

O governo da Rússia ordenou mais medidas de segurança em aeroportos e estações de trem depois de um ataque suicida na estação da cidade de Volgogrado, no sul do país.

Image caption Câmeras de segurança capturaram momento da explosão em Volgogrado (BBC)

Pelo menos 16 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas quando um suicida na fila do detector de metais acionou o dispositivo que levava.

A estação estava lotada devido ao feriado do Ano Novo.

Uma câmera de segurança próxima da estação capturou o momento do ataque suicida, que destruiu janelas e vidros, espalhou destroços e gerou uma coluna de fumaça que podia ser vista no salão de entrada.

Segundo as autoridades russas, a bomba usada tinha dez quilos de dinamite.

As autoridades russas afirmam que uma mulher detonou a bomba por volta das 12h45 (horário local, 6h45, horário de Brasília). Mas, há outras informações de agências de notícias que afirmam que o responsável pelo ataque foi um homem.

Insurgentes islâmicos no norte do Cáucaso fizeram uma série de ataques na região e em grandes cidades russas nos últimos anos.

E o governo russo teme pela segurança dos Jogos Olímpicos de Inverno em fevereiro. O evento acontece na cidade de Sochi, a cerca de 700 quilômetros de Volgogrado.