A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Irlandesa que buscava mãe biológica descobre que ela era vizinha

Image caption Aoife cresceu ouvindo de seus pais adotivos que era uma menina de sorte por ter duas mães

Quando a irlandesa Aoife Curran completou 18 anos de idade, ela pediu à seu pai adotivo, Micheal, que a ajudasse a procurar por sua mãe biológica.

Depois de anos de busca, eles descobriram que Mary morava a poucos minutos de carro da casa onde Aoife cresceu, em Dublin.

As duas tiveram seus caminhos cruzados diversas vezes ao longo dos anos sem saber que eram mãe e filha.

Hoje, com 31 anos, Aoife escreveu um livro que conta a história dessa busca.

Aoife e Micheal contam à BBC como foi essa emocionante trajetória.